top of page

O que é manejo biológico?

O agronegócio brasileiro é um dos grandes motores da economia nacional, tendo crescido 8,36% no ano de 2021, alcançando a participação de 27,4% no PIB brasileiro, a maior desde 2004.


Esses números são resultantes do trabalho de milhares de produtores espalhados pelo país que é o terceiro maior produtor de alimentos e fibras do mundo, ficando atrás apenas da China e dos EUA, e o segundo maior exportador do agronegócio mundial.


Em 2020 o complexo soja (grão, óleo e farelo) foi o principal produto de exportação do país, além disso fomos o país que mais exportou milho, cana-de-açúcar, celulose e papel, suco de laranja e café.





Diante de um mercado competitivo e cada vez mais exigente perante questões ambientais, alternativas de menor impacto social, econômico e ambiental, como o uso de microrganismos benéficos na agricultura, tem ganhado destaque mundial. Esses microrganismos são utilizados como agentes de manejo biológico.


O manejo biológico é a forma de reduzir o impacto negativo de agentes causadores de estresse abióticos e bióticos nas plantas, como por exemplo, nematoides, insetos-praga e doenças.


Ele consiste em realizar essa investida por meio de outros agentes naturais, bactérias,

fungos e outros inimigos naturais.


A implementação do manejo biológico pode gerar diversos benefícios para a agricultura de modo geral, como:


  • redução de custos em relação agroquímicos

  • redução dos resíduos ambientais

  • preservação e regeneração do solo

  • maior segurança dos trabalhadores rurais

  • maior diversidade biológica no agroecossistema

  • entre outros exemplos;


O manejo biológico no Brasil


O Brasil é protagonista mundial em tecnologias de manejo biológico, e entre as safras de 2018/19 e 2019/20 o mercado apresentou um crescimento de 50%, chegando a R$ 1 bilhão. Apesar disso, o setor ainda apresenta grande dependência da importação de insumos.


Segundo dados da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), o Brasil utiliza quase 20% de todos os fitossanitários produzidos no mundo, e mais da metade destes é importada.






Manejo Biológico OnFarm


Diante deste cenário, a SoluBio desenvolveu seu modelo próprio de manejo biológico: o Manejo Biológico OnFarm.


Essa solução, que faz parte da SoluBio Experience, permite ao agricultor produzir seus bioinsumos em sua propriedade, sem necessitar de importações e sem depender de fatores externos.


Com a SoluBio Experience sua fazenda poderá ter autonomia de produção dos bioinsumos para uso próprio dentro da fazenda, para realizar o manejo da sua lavoura. Para que isso aconteça, com qualidade e eficiência, temos um time de especialistas para acompanhar e instruir todos os processos desde a produção do bioinsumo à colheita da sua lavoura.


Quer contribuir para uma agricultura sustentável utilizando bioinsumos OnFarm e reduzir os custos de manejo em até 70%? Basta entrar em contato conosco e agendar uma conversa.


Vamos juntos?


Fonte: Estadão Summit Agro, Embrapa, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Ifope, Climate Fieldview


379 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page