top of page

Como identificar e cuidar de sua Saúde Mental

Atualizado: 20 de jan. de 2023

Cuidar da saúde do nosso corpo vai muito além, tudo começa de dentro para fora. Diariamente, vivenciamos emoções, principalmente no trabalho, que é onde passamos a maior parte do nosso tempo: como somos cobrados, como lidamos com exigências, mudanças e desafios.

Nossas reações a estes estímulos determinam como está nossa saúde mental, e ignorar os sinais dela pode levar a outros tipos de problemas de saúde e transtornos mentais.




Como identificar sua saúde mental

Manter, ou até mesmo perceber os sinais de que a saúde mental não está bem, pode ser difícil, afinal diversos fatores podem influenciar.


Segundo o hospital Albert Einstein, é possível dizer que a saúde mental contempla, entre tantos fatores, a nossa capacidade de sensação de bem-estar e harmonia, a nossa habilidade em manejar de forma positiva às adversidades e conflitos, o reconhecimento e respeito dos nossos limites e deficiências, nossa satisfação em viver, compartilhar e se relacionar com os outros.


Responda a essas perguntas:


1. Você já teve pouco interesse ou pouco prazer em fazer as coisas?


2. É frequente você se sentir para baixo, deprimido ou sem perspectiva?


3. Você tem dificuldade para pegar no sono, permanecer dormindo ou dormiu mais do que de costume?


4. Você se sente cansado ou com pouca energia com muita frequência?


5. Você teve falta de apetite ou comeu demais quase todos os dias?


6. Se sente mal consigo, acha que é um fracasso ou que decepcionou sua família e a você mesmo?


7. Sente que teve lentidão para se movimentar ou falar, ou esteve tão agitado que ficava andando de um lado para o outro mais do que de costume?


8. Já pensou em se ferir de alguma maneira ou que seria melhor estar morto?


9. Os sintomas anteriores lhe causaram algum tipo de dificuldade para trabalhar, estudar, tomar conta das coisas em casa ou para se relacionar com as pessoas?


Se você respondeu positivamente a maioria das perguntas, é provável que sua saúde mental esteja em risco. Neste momento, é importante conversar com um profissional além de manter um canal ativo de feedbacks com o seu líder.


Expor uma dificuldade também tem o desafio de enfrentar os preconceitos relacionados com o tema.


"A maioria da sociedade ainda tem dificuldade em reconhecer que é uma doença e ainda ampliar o conceito de saúde e doença. Não dá mais para serem conceitos antagônicos; ter saúde não significa necessariamente não ter nenhuma doença.


Justamente pelo preconceito e julgamento, as pessoas não querem ser reconhecidas no lugar daqueles que têm transtornos mentais, com o risco de serem vistos como fracos ou descontrolados, algo que vai desde questões morais até questões éticas. No caso de crianças então, a família se sente muito culpada e exposta."


Hospital Albert Einsten, Saúde Mental



Em busca do equilíbrio


Todos nós queremos dar o melhor de si, tanto no trabalho, quanto na vida pessoal, sendo um bom pai, uma mãe presente, um colaborador que sempre bate suas metas. Mas a busca constante por perfeição sem equilíbrio pode causar uma saturação muito grande, ou até mesmo, cobranças e acúmulos de pressões.


De acordo com a Organização Mundial da Saúde, entre as principais causas de faltas ao trabalho em todo o mundo estão os transtornos mentais.


A alta produtividade no trabalho está relacionada com equipes de trabalho com mentes sãs, onde demonstram mais eficiência, felicidade e motivação.



Como cuidar da Saúde Mental

Existem algumas práticas que podem auxiliar a todos que passam por momentos de dificuldade, mas lembre-se, ninguém melhor que um profissional para analisar o seu caso.


01 - Conheça a si mesmo

Foque em você, para isso, práticas mente-corpo como a meditação, o Yoga, a meditação mindfulness, tai-chi entre outras, podem te auxiliar.


02 - Mantenha uma rotina

Estabeleça horários para tudo, desde as atividades cotidianas, até mesmo hobbies, isso ajuda na percepção de tempo e na melhor organização das tarefas. Você vai se surpreender que dá para encaixar algo que você gosta mesmo naqueles dias mais corridos.


03 - Durma melhor

Se até o seu celular precisa ficar conectado na tomada, isso não seria diferente com você. Recarregue-se, descanse, desligue! Para isso, faça exercícios regularmente e alimente-se bem, isso ajuda muito na saúde do sono.


04 - Tenha um hobbie

Andar com o cachorro, ver uma série todos os dias, desenhar, ir para academia. Encontre algo que você ame fazer e encaixe na sua agenda. Você merece e precisa se dar essa alegria!


05 - Reforce amizades verdadeiras

Desprenda-se de companhias que te façam mal e passe mais tempo com quem te quer bem.


06 - Relaxe e faça "nada"

É isso mesmo, nem sempre precisamos fazer tudo o tempo todo. Aquele dia de preguiça, que você tira para você, para não fazer exatamente nada, também vale, aproveite para se desconectar um pouco das redes sociais e apreciar as coisas à sua volta.



Janeiro Branco


Quando chega o fim do ano, é normal que a gente repense em todo caminho que trilhamos e em como será o nosso futuro, e independente do seu desejo, todos passam pela premissa do equilíbrio que traz saúde, felicidade e até mesmo as finanças.


Vemos um ciclo se iniciando e outro terminando, as promessas são feitas como se diante de nós tivesse uma página em branco. E realmente tem. É por isso que janeiro foi escolhido o mês para que possamos desenhar e escrever um novo você. Mudar faz parte, mudar é essencial e reflete todo nosso autoconhecimento, e tudo começa com um grande primeiro passo com uma mudança de mentalidade, se aceitando e se abraçando.


É por isso que a Saúde Mental é e sempre será um tema de suma importância discutido aqui na SoluBio, pois ver você bem e feliz também é um dos nossos propósitos. Quer saber mais? Acesse o site Janeiro Branco e não se esqueça, aqui na SoluBio priorizamos um excelente ambiente de trabalho, além de benefícios para você cuidar da sua saúde da melhor forma possível.



129 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page